Contas acumuladas, gastos futuros, tributos que chegarão, férias que precisam ser planejadas, muitas ações de controle financeiro que te deixam sobrecarregado sem a menor organização do seu orçamento?

Fique tranquilo, você não é o único a ter dificuldades. Pensando nisso, o Grupo Ouro Cred, especialista em crédito consignado, comenta sobre seis aplicativos que ajudam no controle financeiro, ação fundamental para você administrar melhor os recursos que tem.

  1. Wally+

Esse app é ótimo para saber se você está gastando mais dinheiro com trabalho, vida social, família ou outra categoria. Para utilizá-lo, basta fazer um breve cadastro, inserir seu salário e a data de pagamento.

A partir daí, são criados planos de orçamentos diários e mensais no programa, e na tela inicial, sempre ficará disponível os gastos semanais. Além disso, há a funcionalidade de scanner de recebidos.

  1. Finance

Disponível para iOS e Android, esse app de gestão financeira permite um controle rápido das despesas e receitas, com uma interface simples e intuitiva, exibindo diferentes categorias de gastos com ícones ilustrativos.

É preciso fazer os lançamentos de forma manual, mas é possível ver gráficos que ilustram suas despesas e receitas no fim do mês, sendo útil na hora de fazer um plano financeiro.

  1. Organizze

Aqui o usuário pode acessar suas finanças até quando está offline, com um visual limpo e de fácil utilização. Os lançamentos são feitos de forma manual, mas todas as alterações offline são sincronizadas automaticamente quando o usuário fica online.

  1. Minhas Economias

Esse é um serviço online para administrar as economias, mas também há apps para iOS e Android. O cadastro é bem simples, e é possível verificar saldo de contas bancárias, cadastrar despesas, receitas e transferências, lançar parcelamentos, e realizar anotações e transações online. Tudo fica salvo em nuvem e é possível acessar de qualquer dispositivo ou navegador.

Agora, os aplicativos sozinhos não vão poder e ajudar muito se você não souber como controlar as suas finanças. Veja mais dicas nesse artigo que separamos para você:
16