Quando o assunto é abrir um negócio, o Brasil é um dos países com pior cenário para empreendedores. Uma empresa brasileira gasta, em média, 79 dias para abrir, 2.038 horas por ano pagar seus impostos e 425 dias para obter alvarás de construção. Enquanto isso, em países como o Chile, gasta-se 5 dias para abrir uma empresa, 291 horas para pagar impostos e 152 dias para obter alvarás.

Dados do SEBRAE apontam que mais de 20% das empresas são fechadas antes de completarem 2 anos de atividade.

De acordo com Felippe Ferreira, fundador do Meu BiZ, especializado em compra e venda de empresas, existem formas de minimizar o risco de abrir um negócio. “O empreendedor precisa saber se tem o perfil e se está preparado para os desafios de ter uma empresa própria”, afirma.

A primeira questão que o empreendedor deve analisar é se está pronto para os altos e baixos. Segundo Felippe, a primeira mudança que o candidato a empresário sente ao abrir seu negócio é no seu estilo de vida. “Muitas pessoas acham que serão donas do seu próprio tempo, quando na realidade trabalharão muito mais do que se tivessem um emprego”, aponta. A saída é programar as expectativas para que não haja surpresas ao se tornar empresário.

A segunda pergunta que o empreendedor deve responder é por que ele quer abrir ou comprar uma empresa. É fundamental que se tenha paixão por resolver o problema que o negócio se propõe. Isso é o que manterá o empresário motivado nos momentos em que a vontade de desistir fala mais alto.

Por fim, a terceira questão a ser analisada é se o empresário é um bom vendedor. Isso porque um empreendedor nunca para de vender, ainda que tenha a função mais técnica ou gerencial no negócio. O empresário é responsável por vender sua visão aos colaboradores, comunicar valor aos clientes e vender ideias aos investidores. De acordo com Felippe, essa competência é fundamental até mesmo no momento em que o empresário quer sair do negócio, ou seja, vender a empresa.

Tendo em mentes esses três questionamentos, de acordo com Felippe, fica mais fácil decidir se está na hora de ter o seu negócio próprio ou se é melhor não arriscar e seguir a carreira em uma empresa.

Ficou interessado? Aqui estão algumas dicas para você conseguir um investimento para abrir o seu negócio próprio: 23